terça-feira, 6 de março de 2012

Pergunta 13 - AZEROX ECO - Gincana 2012


PERGUNTA 13: Quais os percentuais de área na Amazônia Legal e demais biomas que poderão ser utilizadas em manguezais caso tal alteração, proposta na revisão do Código Florestal, seja acatada?

RESPOSTA: 10% na Amazônia Legal e 35% nos demais biomas.

Vencedores:

1º vencedor: Rodrigo Pietro Bacelli (21:09:32).
2º vencedor: Rosângela Magalhães (21:09:36).


Fonte: http://noticias.ambientebrasil.com.br/clipping/2012/03/06/80804-ministro-diz-que-e-prudente-nao-votar-codigo-florestal-sem-acordo.html


O AzeroX se preocupa bastante com a proposta de revisão do Código Florestal Brasileiro. 

Em especial no ponto que se refere à redução das Áreas de Preservação Permanente que margeiam os cursos d'água, pois essa possibilidade poderá afetar/modificar consideravelmente as condições naturais equilibradas. 

Essas condições já se modificaram bastante devido a corrida pelo desenvolvimento econômico quando da revolução industrial.

Hoje percebemos que as pessoas em geral estão completamente envolvidas num círculo socioeconômico    onde o consumo indiscriminado é considerado regra para manter ligado e a todo o vapor o motor do crescimento.

Mas perguntamos: que crescimento é esse?!  

Aquele que exaure e/ou contamina a fonte da própria vida?! e continuará acumulando riquezas nas mãos da parcela mais rica da população?!

A distribuição de riquezas e melhorias no desenvolvimento socioeconômico da população em geral melhorou bastante nos últimos anos, no entanto, o aspecto ambiental que é regulador do seu próprio uso está ainda bastante desacreditado. 

Entendemos que a fase de quando ele era apenas desconhecido vem sendo superada desde a década de 60 quando as primeiras discussões voltadas à preservação ambiental culminaram na realização da Conferência de Estocolmo em 1972 e depois da Rio 92.

Hoje, passados todos esses anos, precisamos sim atualizar mais uma vez o discurso, mas não podemos negar que muito já foi esclarecido à todas sociedade e o momento é de fortalecimento da ação

A ação não é responsabilidade só de governantes e organizações que tenham essa finalidade, a ação é agora antes de mais nada DECISÃO e ATITUDE.

O momento é esse e cada um de nós temos responsabilidades. Portanto, pedimos: 

NÃO AO LIXO NOS QUINTAIS, NAS RUAS E NOS TERRENOS BALDIOS!
NÃO AOS BANHOS DEMORADOS E OUTRAS FORMAS DE DESPERDÍCIO DE ÁGUA !
NÃO AO DESPERDÍCIO DE ENERGIA!
NÃO AO CONSUMO IRRACIONAL DAQUILO QUE O COMÉRCIO NOS OFERTA CADA VEZ MAIS DE FORMA ATRAENTE!