quarta-feira, 15 de agosto de 2012

'FORTALECIMENTO DA GESTÃO AMBIENTAL NO BRASIL'

Olá, azeradores! Ansiosos para o retorno do site e da gincana?! Nós estamos numa expectativa bastante positiva. Enquanto não chega o grande dia, vamos nos atualizando das informações sobre meio ambiente mundo a fora, principalmente aqui no Brasil. 

Vejam que bacana a ferramenta que o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais - INPE lançou recentemente. Trata-se do INPE-Emission Model ou INPE-EM, que torna disponíveis estimativas anuais de emissões de gases do efeito estufa (GEE) por mudanças de cobertura da terra no Brasil.

As estimativas são calculadas a partir do cruzamento do mapa de biomassa na Amazônia e dados de desmatamento do PRODES, sistema baseado no monitoramento de satélites do próprio INPE. 

A primeira análise demonstrou que houve uma queda de 57% nas emissões de CO2 advindas da queda do desmatamento desde 2005.

Hoje a ferramenta está sendo utilizada para estimar as emissões por mudanças ocorridas no Bioma Amazônico, mas futuramente serão incluídas estimativas para outros biomas e processos.

Acreditamos que essa é uma excelente notícia relacionada à gestão ambiental pública, pois o governo demonstra dificuldades na execução da Política Nacional de Meio Ambiente, principalmente as deficiências relativas ao monitoramento e controle dos usos da vegetação em todo país, incluindo ainda nessa análise as dificuldades/deficiências no monitoramento das nossas áreas protegidas. 

Essa ferramenta aumenta e fortalece a governança ambiental, que juntamente a ação propositiva dos cidadãos, ajudará o país avançar rumo à sustentabilidade, assim como ajudará a demonstrar o resultado das nossas ações frente ao desafio de proteger o planeta do colapso energético.   

Vamos conhecer essa notícia em sua fonte?! Acessem: 
http://inpe-em.ccst.inpe.br/new-page.html

E quem ajudou a divulgar?! Acessem: 
http://www.oeco.com.br/noticias/26337-queda-do-desmatamento-reduziu-57-emissoes-da-floresta